Grupo mineiro conhece as maravilhas de Machu Picchu


25/09/2018 - 17:56


Grupo mineiro conhece as maravilhas de Machu Picchu





Uma turminha de mineiros guiada por Suzana Alves, esteve recentemente num tour social e cultural que encantou quem marcou presença. Estiveram em Machu Picchu , uma das 7 maravilhas do mundo moderno.  Dentre eles destacamos: Sandra e Sarah Carvalho, Ana Lúcia Levate , Rosania Almeida, Marco Aurélio e Nathália, Terezinha de Paula, Silvia Helena Januzi,Maria José Prado, Maria Aparecida Pedrosa, Rosângela Costa, mais ...e mais..

 

 

 

 

 

 

 O ponto alto do passeio foi conhecer uma das sete maravilhas do mundo moderno, eleito melhor destino do mundo em 2016 e possuidor de algumas das estruturas mais impressionantes do mundo. Uma "velha montanha"),também chamada "cidade perdida dos Incas",é uma cidade pré-colombiana bem conservada, localizada no topo de uma montanha, a 2400 metros de altitude, no vale do rio Urubamba, atual Peru. E por lá curtiram aquele friozinho de arrepiar!

 

 

 

 

 

Por lá a amiga Silvia Elena Januzi Souza

 

 

 

 

 

CURIOSIDADE:

Em 7 de julho de 2007, Machu Picchu foi eleita uma das Novas 7 Maravilhas do Mundo Moderno; estas foram escolhidas por mais de 100 milhões de pessoas de todo o mundo, através de uma votação aberta pela Internet; as maravilhas deram-se a conhecer em ordem aleatória pela New Open World Corporation (NOWC). O mundo inteiro está lá fora, sabemos que qualquer momento é bom para sair para ver alguns dos lugares mais belos da Terra.

 Montanha Machu Picchu a uma altitude de 3.082 metros e é a montanha onde está firmada a maravilhosa cidade inca de Machu Picchu, Patrimônio Cultural e Natural. E cada dia há mais pessoas que se aventuram a ele, talvez por causa da energia que emana a partir desta terra, que era sagrado para a civilização Inca.

A área edificada em Machu Picchu é de 530 metros de comprimento por 200 de largura e inclui ao menos 172 recintos. O complexo está claramente dividido em duas grandes zonas: a zona agrícola, formada por conjuntos de terraços de cultivo, que se encontra ao sul; e a zona urbana, que é aquela onde viveram seus ocupantes e onde se desenvolviam as principais atividades civis e religiosas. As duas zonas estão separadas por um muro, um fosso e uma escadaria, elementos que correm paralelos pela face leste da montanha.

 

O lugar foi elevado à categoria de Patrimônio mundial da UNESCO, tendo sido alvo de preocupações devido à interação com o turismo por ser um dos pontos históricos mais visitados do Peru.

ATENÇÂO:É aconselhável visitar o local durante a estação seca, de maio a outubro, nesta temporada há pouca chuva. Para fazer esta caminhada são necessários: um par de boas botas, varas com pontas de borracha, chapéu, protetor solar, repelente de insetos e de água.
















Início
Xereta
Girando
Orgulho da terrinha
Destaques
Saudade da terrinha
Quem foi
Fui lá
Fiquei sabendo
Vai acontecer
Fiquei sabendo
Aniversários
Dicas úteis
Contato


EQUIPE - CONTRATE-NOS - ANUNCIE - CONTATO